Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Entenda: febre e dor no corpo são reações comuns a vacinas contra a Covid-19
01/07/2021 11:26 em Tecnologia

À medida que aumenta o número de vacinados contra a Covid-19, crescem também as reclamações sobre reações adversas leves e moderadas, que afetam cerca de 25% dos vacinados, chegando a 50%.

Os mais comuns são os efeitos locais, como dor no braço e vermelhidão. Os sistêmicos, como febre, dor de cabeça e no corpo, também acontecem com frequência. Em geral, após 48h, essas reações, que não costumam ser incapacitantes, acabam.

Mas o fato de não sentir nada disso não significa que a vacina não vai ser eficaz, ressalta Isabella Ballalai, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações:

— Tem gente que fica encucado se não tiver reação. Será que (a vacina) pegou? Isso não existe. Reação não significa nada em termos de eficácia. Ficar com o braço dolorido também não prova erro na hora da aplicação, até porque, nos estudos, quando certamente as vacinas foram aplicadas por profissionais experientes, os relatos de efeito local chegaram a 10%. Nesse tipo de situação, Ballalai recomenda uma compressa fria.

Ela também é favorável ao uso de antitérmico para combater dor no corpo e febre:

— Não há contra indicação de fazer uso do paracetamol, listado na bula da AstraZeneca, que é a que costuma dar mais febre — afirma Ballalai, lembrando que a tecnologia da vacina da Janssen, de adenovírus, é a mesma, e as reações, portanto, costumam ser similares.

https://oglobo.globo.com/sociedade/saude/entenda-febre-dor-no-corpo-sao-reacoes-comuns-vacinas-contra-covid-19-nao-estao-ligadas-eficacia-do-imunizante-25084437?utm_source=globo.com&utm_medium=oglobo

COMENTÁRIOS